Bélgica recomenda levar dinheiro para ladrão na Copa.

By | 16:44 Leave a Comment
Governo Belga recomenda aos belgas que desejam vir ao Brasil para assistir a Copa do Mundo, para que carreguem pouco dinheiro , mas mantenham uma quantia nos bolsos para dar aos ladrões. 
A recomendação que é até, digamos, um sábio conselho, tem gerado uma grande polêmica na internet com muitos brasileiros se sentindo envergonhados, e outros "ofendidos"

Os polêmicos conselhos se encontram no artigo Conseil aux voyageurs Brésil do site oficial Diplomatie Belgium.

Eis alguns sábios conselhos dados no site Belga.



-" Durante a viagem ao Brasil você deve estar vigilante, especialmente no Rio de Janeiro e em alguns bairros. 

As manifestações aconteceram em grande escala durante os meses de junho e julho em várias cidades brasileiras. Manifestações ainda ocorrem regularmente, elas são menos intensas e se concentram em São Paulo e Rio de Janeiro. Alguns desses protestos que ocorrem principalmente à noite podem ter atos de vandalismo e violentos confrontos com a polícia. Recomenda-se evitar os locais onde os protestos ocorrem. 

No Rio de Janeiro, existem inúmeros ataques contra turistas. A cautela é necessária, sobretudo em determinadas zonas (Centro, Lapa, Cinelândia, Catete, Glória, Santa Teresa, Copacabana, Flamengo) e ao longo das praias, bem como as vistas. A entrada nas favelas é estritamente desaconselhável, mesmo em uma excursão organizada por uma agência profissional. Todos os incidentes devem ser notificados à polícia turística.

Nas cidades litorâneas do Nordeste, como Fortaleza, Natal e São Luís, a insegurança é relativamente menor que no Rio de Janeiro. Este também é o caso para as praias de Salvador da Bahia e Recife, bem como as cidades históricas barrocas de Minas Gerais. No entanto, as ruas não-turísticas do centro da cidade de Salvador da Bahia devem ser evitadas.

Em São Paulo, temos que ter cautela em algumas áreas turísticas ou periféricas da cidade, incluindo feiras e seminários internacionais: 
O centro turístico da Cidade (Praça da República, Praça da Sé e Estação da Luz ao redor da sala de concertos "Sala São Paulo" e do Museu Pinacoteca); bairro Morumbi; USP campus ("Cidade Universitária") e dentro e fora do centro de eventos e feiras "Anhembi", onde laptop, smartphones e outros itens de luxo são muitas vezes alvo de ladrões. Finalmente, recomenda-se fortemente não se aventurar nas favelas.

Em todas as grandes cidades brasileiras os roubos e ataques armados são freqüentes, mesmo à luz do dia . As tensões sociais , por vezes, resultam em manifestações. Além disso, em determinadas rotas ou em determinadas aglomerações urbanas (especialmente nos estados do Amazonas , Acre, Rondônia e Mato Grosso , mas também em torno de Salvador de Bahia ) , as exaltações populares não são excluídas também.

Perto da fronteira com a Venezuela, foram registrados sequestros.

Em geral, e para minimizar o risco , deve atender às seguintes diretrizes:

• Evite usar jóias e incisivamente roupas ou objetos de valor e levar apenas o mínimo , especialmente na praia ;
• Nunca resista em caso de agressão;
• Manter em segurança os documentos oficiais ( cofre ) e mover-se apenas com fotocópias (xerox)desses documentos ;
• Evite área isolada , mal iluminada ou pouco frequentada ;
• Resista à tentação aventureira e foco em viagens organizadas ( Pantanal e da Amazônia em particular) . Evite parques de campismo não seguros ;
• Desconfie de estranhos oferecendo bebidas bebidas e não deixe seu copo de bebida sozinho. "


Mimimi a parte, eu mesmo saio de casa com pouco dinheiro e sempre deixo separado algum dinheiro para caso seja assaltado e acredito que a maioria dos brasileiros façam o mesmo.

Essa Copa promete ficar na história, ou do jeito bom ou do jeito ruim




Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.