O Indiano e a Roleta Africana

By | 04:14 Leave a Comment
Se você se sente humilhado ao ver filme de safadezas e saliências por causa da ferramenta dos atores, então vai se sentir o último dos últimos com essa notícia vinda da índia.
Um empresário indiano de 24 anos se internou em um hospital de Nova Delhi para amputar um de seus bigulins, isso mesmo: "Um deles", já que ele possui 2 bilaus.

O indiano deseja poder , ao casar, fazer um papai-e-mamãe normal como outro ser humano menos privilegiado.

Por mais incrível que possa parecer, os pirus do cara funcionam perfeitamente.

-  "Um caso de dois pênis funcionais nunca foi visto na literatura médica. O mais comum, quando há duplicidade de órgãos, é que um seja mais rudimentar" - Disse um dos cirurgiões encarregados da .castração.

Há cerca de 100 casos no mundo inteiro de pessoas com bilau duplo. A deformidade é uma falha na formação da mesoderme, uma das três camadas primárias do embrião...

Só não entendo porque o cara quer cortar um fora, já que eles funcionam bem e além da vantagem de alternar os trabalhos, todo mundo sabe que 2 cabeças pensam melhor que 1.

Mas  já que ele está decidido a cortar o pênis, acredito que o melhor método para isso seja a "Roleta Africana".

Não sabe como funciona a "Roleta Africana'? Eu explico...




ROLETA AFRICANA

O embaixador americano conversava com um diplomata africano, que elogiava os russos:

- Eles construíram uma hidroelétrica, um aeroporto, um estádio, nos ensinaram a tomar vodka e a jogar roleta russa.

- Mas... "Roleta russa"? É um jogo muito perigoso!

- Certo. Foi por isso que inventamos a "Roleta Africana"... Quer jogar?

- Não sei... Como é que se joga?

O diplomata africano bateu palmas e oito lindas mulheres nuas, chegaram rebolando.

Aí, o diplomata africano disse:

- Escolha uma, para lhe fazer um boquete.

- Mas isso é bem melhor que roleta russa!

- É, mas uma delas é canibal.


 CURTA A NOSSA PÁGINA



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.