MENTIRA: Vinagre não engana o Bafômetro

By | 11:39 Leave a Comment
Mais um hoax antigo volta a circular no Facebook: Será realmente possível enganar o Bafómetro usando Vinagre?

"BRASILEIRO NÃO TEM
 JEITO NÃO!...VINAGRE!...
 
 O bafômetro não mede o nível de álcool e sim, a presença de cetona,
 que é o efeito da queima de gordura. Como o álcool diminui o açúcar no
 sangue, o corpo passa a queimar gordura e, como conseqüência, o hálito
 começa a apresentar corpos cetônicos.
 
 OBS: Pessoas em dieta de Atkins, ou em jejum, também apresentam corpos
 cetônicos no hálito, em virtude da ausência de carboidratos causada
 pela dieta. Como conseqüencia dessa falta, o organismo queimará
 gordura.
 
 Mas a mutreta do bafo é a seguinte: leve sempre no carro um vidrinho
 de vinagre e a qualquer sinal de blitz, tome um gole, porque o ácido
 acético (denominação química do vinagre) reage com a cetona, dando
 como resultado o acetato, que é indetectável no bafômetro.
 
 Ricardo - Engenheiro Químico e CACHACEIRO
 da fábrica de Vinagre de Lucélia - SP"

O hoax acima, começou a circular na internet em meados de 2008 e agora aparece novamente em 2013 como se fosse uma novidade. O seu conteúdo nada mudou, e nem a mentira que ele conta:

Não, não é possível enganar o teste de Bafômetro com o vinagre, pelo contrário, a maioria dos vinagres possuem teor alcoólico que podem inclusive acusar no bafômetro.

Além de não burlar o bafômetro e ser capaz de indicar uso de álcool, ingerir vinagre puro pode fazer mal para a saúde. Claro que não se trata de colocar vinagre em saladas, mas sim em beber o vinagre em um gole, ainda mais estando em jejum e alcoolizado. A reação no seu estomago pode ser bem desagradável.

Certamente as pessoas que repassam esse hoax, acreditam nessa historinha, acham que estão fazendo bem em compartilha-la, mas nunca bebeu o vinagre para enganar o bafômetro. Apenas pensam, "NOOOSSA QUE INCRÍÍÍVEL, VOU COMPARTILHAR AGORA!!!". É a chamada "cultura burra" onde se falam besteiras como se fossem verdades.

A embriaguez pode ser comprovada por outros sinais, como sonolência, olhos vermelhos, vômito, soluços, desordem nas vestes, cheiro de álcool no hálito, agressividade, exaltação, arrogância, ironia ou dispersão.

Não caia nessa: Se beber não dirija.

Ah sim, tem um jeito de enganar o bafômetro de forma segura:





Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.