Site Muçulmano diz que carne de porco Provoca Homossexualidade

By | 13:13 3 comments
Os muçulmanos sempre são perseguidos por preconceitos, devido a algumas ações de membros fundamentalistas que se utilizam de táticas de terrorismo.
Obviamente que somente uma parcela deles é que são terrorista, uma parcela bem pequena, diga-se de passagem. Mas mesmo sentindo na pele o poder do preconceito a organização muçulmana Ahmadiyya soltou em seu site http://www.alislam.org/ a seguinte pérola, baseadas nas afirmações do falecido líder da comunidade Ahmadiyya, Kalif Mirza Tahir Ahmad.

"O consumo de carne de porco transforma heterossexuais em homossexuais."

A Ahmadiyya é originária da India e atualmente está se estabelecendo na Alemanha e estão construindo uma mesquita em Berlim.
A declaração causou revolta entre os Alemães que agora estão organizando um protesto contra a construção da Mesquita.

"Este modo de raciocinar dos Ahmadiyya contradiz a Constituição alemã. E não queremos que seja difundida entre nós"

Para se defender o presidente da comunidade Ahmadiyya na Alemanha, Abdullah Uwe Wagishauser disse que:

"O artigo apresenta uma suposição, não uma afirmação" e "é sabido que a alimentação tem um efeito sobre o corpo humano e seu comportamento moral".

Se essa notícia fosse verdadeira, então nós brasileiros seriam todos gays. Adoramos uma feijoada. E se uma comida pudesse influenciar o comportamento sexual de alguém, certamente essa comida seria o peixe. Chupa-se a cabeça e da-se o rabo.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

3 comentários:

  1. Anônimo1:09 PM

    Faz sentido.... o caboclo experimenta a linguiça, gosta e aí não tem mais volta (rs)...

    ResponderExcluir
  2. KKKKKKKKKKK anônimo, amei

    ResponderExcluir
  3. Anônimo12:43 PM

    Chupa-se a cabeça e da-se o rabo!!vaaaaaaaaaaaaaaaaapu!!!!!

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.