VERDADE: internautas reclamam de fungos nos sucos AdeS

By | 16:16 Leave a Comment
Está circulando no Facebook uma foto de uma embalagem do suco de uva AdeS com um objeto estranho não identificado, mas que provavelmente é um organismo vivo, como um fungo. Diferente das fotos e correntes fakes que circulam pelo Facebook, o caso em questão aparenta ser verdadeiro, e o pior , não é único.

Um caso antigo e semelhante pode ser encontrado no site da G1 onde de acordo com a Unilever em entrevista ao G1, a culpa é da embalagem Tetra Park, que se for mau armazenada ou transportada de forma errada pode gerar "microfuros", e gerar bolor ou fungos. Essa resposta da Unilever só reforça a sua culpabilidade, afinal deixou claro que está ciente dos problemas e que a culpa é da embalagem inadequada.
 A Unilever esclarece que a produção do suco de soja é realizada em equipamentos protegidos e com análises laboratoriais rigorosas. Maneira irregular de transporte ou armazenamento pode prejudicar a qualidade do produto ao gerar "microfuros" na embalagem. Com isso, o líquido fica exposto e pode desenvolver bolor ou fungo.
A empresa afirma "que segue criteriosos procedimentos nas etapas de fabricação para oferecer produtos de qualidade" e que "os produtos fabricados pela Unilever atendem todas as normas vigentes no Brasil, tanto com relação aos processos de fabricação, quanto aos ingredientes presentes, embalagens e rotulagem.
 Vamos a foto que circula no Facebook e a mensagem que ela contém e que foi publicada no perfil de Ursula de Almeida.


Ontem abrimos uma garrafa de Ades de Uva para o Renan
e logo que ele começou a beber falou que estava com gosto ruim, jogou fora
como ele é muito enjoado e o Alan provou e disse que estava bom, deixei
a noite ele tornou a falar que estava ruim peguei e joguei tudo na pia
qual não foi o meu espanto quando vi que depois de ter esvaziado a garrafa uma gosma começou a sair
Meu pai!!!!!!!era enorme, e tinha uma aspecto de cogumelo
Hoje liguei pro 0800 da Unilev e meu espanto maior foi a naturalidade que a atendente me explicou que isso pode ter ocorrido devido a um fissura que tenha na embalagem dai formou o fungo, que ela iria me mandar um cartão de 5,00 para eu comprar outro produto e que eu poderia jogar a embalagem fora
O QUE???????????
como assim, que fissura? se houvesse uma o líquido sairia 
Abri a embalagem e o troço é pior do que pensava
tirei foto e(pasmem)congelei o bicho
estou observando meu Filho, que graças a Deus não apresentou nada
Mas a indignação toma conta do meu corpo

Inacreditável, não? A Unilever se mostra totalmente ciente do problema e oferece 5,00 reais a título de compensação.

Internautas revoltados começaram a postar no perfil da Unilever e AdeS no Facebook, e assim se descobriu um segundo caso postado por Paulo Ribeiro. Notem que a validade vai até 19/6/13.

Olha o que tinha dentro da caixa de ADES que o EXTRA me vendeu com promoção ( Paulo Ribeiro.)
No reclame aqui existem reclamações e denuncias sobre o mesmo problema como podemos ver nesse link de Março de 2012 -  Suco de 200ml da Ades, podre com fungos poderia ter infectato ou até matado!!! -

Como a Unilever lava as suas mãos e culpa o transporte e os microfuros, e não toma nenhuma providência, fica a sugestão para que EVITEM comprar esse produtos e oferta-los a seus filhos. Façam barulho, espalhem nas redes, façam a diferença e obriguem a Unilever ou a ANVISA a tomarem providência quanto a essa embalagem que se mostra inadequada. O que não ´pode é o consumidor levar um produto POTENCIALMENTE NOCIVO para casa e ser-lhe ofertado 5 Reais.

SAC da UNILEVER telefone 0800-707-9977 ou e-mail sac@atendimentounilever.com.br.

- Perfil da Unilever no Facebook
- Perfil da AdeS no Facebook
- Link do G1 com matéria sobre fingos nas embalagens do AdeS
- Link do Reclame Aqui com reclamação de consumidor sobre fungos no AdeS
- Link da foto postada por Ursula Almeida
- Link da Foto postada por Paulo Ribeiro.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.