AVC faz hetero virar gay

By | 19:06 1 comment

Não são raros os casos em que após um trauma cerebral, uma saída de um coma, ou mesmo uma simples pancada na cabeça, o acidentado sofre mudanças drásticas de comportamento. Mas o que ocorreu com Chris Birch, ex- jogador de Rubgi, é no mínimo curioso. Após sofrer um AVC ( Acidente Vascular Cerebral, também conhecido como derrame), Chris Birch, 26 anos, se descobriu homossexual, terminou o namoro com uma garota, largou o Rugbi e virou cabeleiro.

Durante um treino, Chris resolveu dar uma pirueta, caiu de mau jeito e se estabacou no chão, partiu o pescoço e teve um AVC. Quando acordou, Chris se sentiu completamente diferente, passando a detestar tudo que fazia antes do AVC: Deixou de gostar de esportes, de mulher, e de sair com os amigos e também passou simplesmente a odiar seu emprego no banco.

avc faz hetero virar gayHetero vira gay

Para não deixar qualquer dúvidas quanto a sua transformação, Chris já está morando com um rapaz de 19 anos, deixou de ver esportes e largou o emprego no Banco para se tornar cabelereiro, embora nunca tenha feito nem mesmo uma escova em seu cabelo antigo que era quase raspado.

Segundo neurologistas, algumas pessoas que sofreram algum tipo de trauma, podem acordar falando línguas estranhas, adquirir habilidades em coisas que nunca soube fazer. Há cerca de 2 anos atrás Alan Brown acordou de um derrame e se descobriu com grandes habilidades para desenhos e pinturas, sem nunca em toda a sua vida ter feito algo do tipo, seus desenhos eram desenhos comuns de quem não sabe desenhar.

Existem relatos de pessoas que acordam falando línguas que nunca falaram e menos ainda tiveram  contatos. É como se tivesse baixado um novo programa em seu PC , no caso, o cérebro.

É de conhecimento que tudo o que somos depende da organização dos neurônios, desde o simples gostar de um objeto, paladar ou cheiro, até coisas mais complexas, como ser bom ou mal. Você gosta de determinado tipo de música, porque seu cérebro possui neurônios simpáticos a ela. Você é trabalhador ou preguiçoso por excesso de vitaminas ou falta delas Tudo, absolutamente tudo que você faz, gosta, deseja é apenas uma questão neurônios.

Esse é o tipo de coisa que me faz pensar; Será que somos o que somos porque queremos ser, ou somos apenas máquinas programadas para agir de tal forma? Quem nos programa? Por que?

Mistérios da vida.

 

Fonte Daily Mail


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

  1. Interessante esse caso, me vem vários pensamentos a cabeça...
    Particularmente eu há alguns anos queria ser hetero... tentei ser hetero até que percebi que não, não é isso que está "certo" pra mim. Tentei ser homo já que não conseguia ser hetero e também não deu exatamente certo, apesar de ter sido menos estranho e menos desconfortável, ainda sim era algo meio abstrato na minha cabeça e que não conseguia me sentir no lugar certo. Por fim descobri que sou assexuado, não sinto atração sexual por nenhum dos sexos, há algum tempo eu queria saber como é sentir isso mas bem, eu nasci assim, sou assim... o que posso fazer? Apenas me aceitar e torcer para que outros aceitem para que não novamente eu seja alvo do preconceito inclusive fisicamente.

    Ótimo post Descharth.

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.