Romário está Doente? A polêmica cirurgia do diabetes

By | 22:16 Leave a Comment
Após viralizarem na internet algumas fotos em que o ex-jogador e Senador Romário aparenta estar muito magro e com expressão envelhecida, muitas pessoas começaram a sentenciar na rede que o Romário está doente.

Quem vê as fotos se assusta, afinal, Romário mesmo não tendo sido, em seus tempos de atleta, um fã de treinamentos e exercícios pesados, sempre mostrou um corpo forte e saudável. Os dias no Senado até lhe deram uma barriga e um rosto rechonchudo, ainda que sem aparentar obesidade.

Sim, Romário está doente. Ele possui diabetes 2, mas a causa do seu emagrecimento repentino não é o diabetes em si e sim uma cirurgia polêmica e não regulamentada que promete acabar com o diabetes tipo 2.

Romário está doente e faz cirurgia para combater o diabetes


Diante de um quadro de diabetes 2 que chegava a 400 mg/dL (miligramas por decilitro), Romário decidiu fazer a mesma cirurgia que o apresentador da Globo, Faustão, fez em 2009. Ambas foram realizadas pelo médico Áureo Ludovico de Paula.

A  cirurgia de interposição ileal desenvolvida pelo Dr° Áureo Ludovico de Paula, é uma cirurgia não aprovada pelo CFM (Conselho Federal de Medicina) e já deixou o Dr° Áureo em maus-lençóis quando respondeu em 2009 a processos criminais pela morte de pelo menos 7 pacientes .

Essa cirurgia de interposição ileal que promete curar o diabetes, é uma cirurgia bariátrica com a diferença em que nela é feita a recolocação do íleo (fim do intestino delgado) entre o duodeno e o jejuno. O resultado disso é o aumento da produção de hormônios da saciedade diminuído ou eliminando o diabetes.

Para uma pessoa poder se submeter a cirurgia bariátrica, é preciso estar, de acordo com a regulamentação do Conselho Federal de Medicina, com o Índice de Massa Corporal (IMC)  de 40 kg/m2.

Pacientes com IMC entre 35 e 40 podem se submeter ao procedimento quando apresentam uma das 21 doenças associadas à obesidade, entre elas depressão, diabetes tipo 2, hipertensão, hérnias discais, disfunção erétil e ovários policísticos.  - Informação do Diabetes Org

Romário antes da cirurgia tinha  e 1,69 de altura e 80 kg, possuindo um IMC de 28. Portanto não era elegível para esse tipo de cirurgia.

Em entrevista ao Globo Esporte em 09/01/2017 Romário esclareceu sobre a sua magreza "- Minha diabetes chegou a 400, então eu decidi fazer essa cirurgia com o doutor Ludovico. Perdi uns 10 quilos. Estava com quase 80 quilos e hoje estou com 70, 69. Eu não tinha esse peso há uns 15 anos. Agora tenho feito tudo que os médicos têm pedido. Me alimentando muito bem. Parei de perder peso tem uns cinco dias - Fonte: Globo Esporte

Mas não é o parece. Pelas fotos atuais que caíram na rede, como a postada no instagram de @belinhofutivolei, Romário aparenta ter emagrecido bem mais que 10kg.

Romário aparece magro e com aspecto envelhecido após cirurgia para curar o diabetes

Apesar de ser controversa, a eficácia das cirurgias da obesidade no tratamento do Diabetes 2 e na Síndrome Metabólica (Hipertensão Arterial, Colesterol, Triglicérides, etc) vem sendo verificada e testada com o aval do Ministério da Saúde no Hospital Sírio & Libanês e tem apresentado resultados bastante promissores - Fonte: Centro de Cirurgia Avançada Marcelo Salem

Caso queira saber mais sobre o assunto, leia na Revista da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto e do Hospital das Clínicas da FMRP a publicação: Evidências e Duvidas sobre o tratamento Cirúrgico do Diabetes tipo 2

Resumindo: A noticia de que Romário está doente é verdadeira, mas a sua doença não tem nada a ver com a sua repentina magreza. Romário possui diabetes tipo 2, e para tentar curá-la ou amenizar seus efeitos terríveis, se submeteu a uma polêmica cirurgia de diabetes chamada de interposição ileal, que é uma variedade da cirurgia bariátrica de redução estomacal em que se faz a recolocação do íleo.






Curta Verdade Absoluta, a internet sem mentiras

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.