Atleta corre maratona menstruada sem absorvente para mostrar orgulho de menstruar

By | 18:25 Leave a Comment
Atleta corre maratona menstruada sem absorvente como forma de protesto contra o sexismo opressor que assola as mulheres do mundo, segundo ela.

Kiran Gandhi, de 26 anos, correu a maratona de Londres em Abril, mas somente agora a história começou a viralizar na rede e alcançou finalmente a tão desejada polêmica que ela queria causar.

Kiran ficou menstruada na noite anterior a corrida e achou que seria desconfortante correr usando um absorvente interno. Então ela aproveitou a situação, que para muitas pessoas é constrangedora, e decidiu juntar o útil ao agradável ( para ela) e fez uma tremenda nojeira que causou asco em quase todo mundo. 

Ela correu os 42 km da maratona com o sangue menstrual escorrendo pelas pernas e a marca ficou perfeitamente visível, até de longe.




De acordo com as entrevista que ela deu em diversos blogs, inclusive no seu mesmo: correu sem um absorvente e aproveitou para fazer disso uma forma de combater a vergonha e a falta de posição que as mulheres tem na hora de falar sobre a própria menstruação. Segundo ela, as mulheres escondem a menstruação como se ela "não existisse".

««Enquanto eu corria, eu pensava em como as mulheres e os homens são socializados a fingir que o período menstrual não existe. [...] Ao tornar mais difícil falar sobre isso, nós, mulheres, não conseguimos falar sobre isso no trabalho, e não é possível reconhecer as diferenças sociais entre mulheres e homens que devem ser reconhecidas e estabelecidas como aceitáveis. Porque é que as mulheres não reclamam ou falam sobre suas funções corporais? Porque ninguém pode ver isso acontecendo? E porque isso é uma questão importante? É importante porque acontece com todas e acontece agora.»» Disse a maratonista sangrenta.

E o besteriol dela não para por aí:

«« "Eu tenho a visão de que se os homens tivessem um período menstrual -- porque estamos em uma sociedade que privilegia o masculino -- , que as regras seriam diferentes no local de trabalho, e que as regras sociais permitiriam que os homens falassem sobre isso livremente no trabalho, em casa, com amigos", disse ela. »»

Eu fico pensando o que mais as pessoas são capazes de fazer para aparecer. Isso é simplesmente nojento, porco e anti-higiênico. Menstruação é um problema íntimo da mulher da mesma forma que cagar e urinar o é para para todo ser humano que tem um pingo de educação ou algo melhor para fazer ou comentar.

Falta só na próxima maratona ela correr toda cagada para protestar contra a opressão das pessoas com diarreia que não podem falar abertamente que estão com caganeira. Ou correr comendo meleca para protestar contra a fome.



Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.