A verdade sobre Charlie Charlie Challenge o jogo do Demônio

By | 12:29 Leave a Comment
A nova febre que toma conta das redes sociais são videos com a brincadeira Charlie Charlie Challenge, que consiste em cruzar dois lápis ou caneta em uma folha de papel com respostas sim ou não. De acordo com a brincadeira o demônio de Charlie Charlie responderia as perguntas das pessoas movendo o lápis como se fosse uma tábua de  ouija, no mesmo modo da brincadeira do copo e da brincadeira do compasso.

Dezenas de pessoas estariam assustadas com os resultados e postado seus videos nas redes sociais com a hashtag#CharlieCharlieChallenge, fazendo a pergunta: "Charlie, Charlie! Você está aqui?". O lápis supostamente se move em direção da respostas "sim ou não". Pode-se, de acordo com a brincadeira, fazer qualquer tipo de pergunta cujas respostas devem conter somente as opções "sim ou não".

O video é tão assustador que levou o Padre Stephen McCarthy, da Saints John Neumann and Mario Goretti Catholic High School , na Filadélfia, EUA, proibir seus alunos de fazerem a brincadeira ou incentivar outras pessoas a fazerem. De acordo com o padre, "o problema da brincadeira é que ela abre uma janela de oportunidades para o mal, que não são facilmente fechadas".

Entenda a brincadeira Charlie Charlie Challenge:

O desafio teria origem em uma antiga tradição mexicana que convoca a visita de um demônio chamado Charly, que se demostra presente pelo movimento dos lápis em direção a palavra "sim". Charly seria um ajudante do Diabo muito astuto, a espera de uma oportunidade para trazer as essências do mal para o nosso mundo, e para isso precisa ser evocado através da tal brincadeira do lápis.( Priest warns pupils the 'Charlie Charlie Challenge' is 'demonic activity )

A  brincadeira Charlie Charlie Challenge
A brincadeira Charlie Charlie Challenge promete evocar o demônio mexicano de Charlie.

Charlie Charlie é um demônio mexicano?

De acordo com a BBC que apurou os fatos , Não, Charlie Charlie não é uma lenda urbana mexicana e tampouco um demônio de sua cultura:

"Não há nenhum demônio chamado 'Charlie' no México", diz Maria Elena Navez da BBC World. "As lendas mexicanas originadas dos Maia e Astecas, assim como muitas crenças tiveram inicio durante a conquista espanhola.  Na mitologia mexicana pode-se encontrar deuses com nomes como 'Tlaltecuhtli' ou 'Tezcatlipoca". Mas demônios mexicanos normalmente são invenções americanas", diz ela. - Where did Charlie Charlie Challenge come from? ( De onde o desafio Charlie Charlie vem?)

Existem duas versões para a brincadeira Charlie Charlie Challenge.

1- A brincadeira original mexicana que consiste em que 2 pessoas seguram , cada uma, 3 lápis em forma de trave de futebol e os une com as dua pontas expostas e fazem as perguntas. Como podemos ver no vídeo abaixo.


2- A versão atual mais simples, com os lápis cruzados em cima de uma folha de papel contendo as respostas "sim" e "não".


 

Como Funciona a brincadeira Charlie Charlie Challenge

A resposta é bem simples: Como o ponto de equilíbrio do lápis é bastante frágil e qualquer movimento ou deslocamento doar é capaz de o mover, basta portanto um leve e imperceptível sopro para isso. Não é a toa que os vídeos procuram mostrar somente os lápis e a folha, nunca mostram os participantes. Dessa forma, não podemos ver se tem alguém soprando , e barulhos e ou edição do som do vídeo são capazes de facilmente sobrepor o barulho do sopro. E também é possível assoprar sem emitir barulhos.

Conclusão. Não existe nenhum demônio chamado Charlie ou Charly na cultura mexicana. Trata-se de uma invenção americana para fazer viral no youtube para assustar pessoas que se impressionam facilmente ou gostam de assustar as outras. Todo o truque se resume em assoprar suavemente o lápis que possui uma base facilmente deslocável.

Claro que você pode achar que o demônio existe ou que os espíritos dos mortos se comunicam com você através do lápis na  brincadeira Charlie Charlie Challenge, afinal, a verdade absoluta é relativa...


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.