Religioso Muçulmano "prova" que a terra não gira em torno do sol

By | 12:06 Leave a Comment
A ignorância junta com a burrice é algo deprimente, mas quando se junta com a liderança exercida em alguma religião, se torna desastrosa, pois é capaz de arrastar outros para a sua burrice.

O sheik e líder religioso, Bandar al-Khaibari,  deu uma  palestra para estudantes numa universidade dos Emirados Árabes Unido,  onde "provou" que é impossível a terra girar em torno do Sol.

Isso mesmo depois de  mais de 400 anos que o heliocentrismo deixou de ser uma teoria para ser um fato comprovado de todas as formas possíveis, o elemento vem com uma historinha indigna até mesmo dos contos das 1001 noites.

Bandar, o Sheik, estava dando sua palestra tranquilamente quando um papelzinho lhe foi entregue com uma pergunta intrigante de um dos alunos: " A terra gira em torno do Sol"...Hummm... humm... fez o Sheik pensador... e  começou a dar uma das mais ridículas explicações sobre o sol girar ou não ao redor do sol:

O Líder religioso com seu privilegiado cérebro de camelo sedento em calor de 55°, deu a seguinte explicação: É impossível a terra girar ao redor do sol ou se movimentar, e citou o exemplo do avião que vai para a china: De acordo com o doido, se a terra se movimentasse um avião não poderia chegar até a China,pois ela estaria se afastando sempre dele, e se o movimento da Terra fosse ao contrário, o avião não precisaria se movimentar, apenas parar no ar, que a China iria até ele.

E o cara falou tudo isso usando um cubinho para ser a Terra e fazendo aviãozinho com as mãos.. Pior, tudo foi filmado e essa bobagem caiu na rede...

Fotomontagem Meio-Bit


Vale lembrar que embora o rei das patacoadas Olavo de Carvalho que é astrólogo e pseudo-astrônomo e outros pseudos filosóficos, embora não tenha dito que a terra não gira em torno do sol, garante que não Há nenhuma prova que ela faça isso... E tem uma cambada de gente que acredita nessa bobagens.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.