Entenda o caso do casal que teve 5 filhos adotados de forma supostamente ilegal na Bahia

By | 19:26 1 comment
No último Domingo (14/10/12), o programa Fantástico da Rede Globo levou ao ar uma matéria que está chocando o Brasil. De acordo com a reportagem, 5 crianças teriam sido retiradas pela policia do convívio de seus pais na cidade de Monte Santo, Bahia, e foram entregues a famílias residentes em São Paulo, a mando da justiça baiana.

Um caso recheado de absurdos, que pode revelar um esquema de adoção ilegal bem entendido como "sequestro infantil".

Tudo começou quando Carmem Topschall tentou convencer Gerôncio e Silvania, pais de uma criança recém-nascida, na época com 1 mês de vida, a doar a criança a uma família de São Paulo. Diante da negativa dos pais da criança, foi movida no Conselho Tutelar da cidade uma ação sob alegação de maus tratos. Embora o Conselho tutelar não tenha constatado nenhum tipo de maus tratos, agressão ou trabalho escravo, o Ministério Publico, sob ordem do juiz Vítor Manoel Xavier Bizerra, decidiu que as crianças fossem mandadas a um abrigo, mesmo sem existir um abrigo no município. Sendo assim, o juiz entregou a criança recém nascida ao casal paulista e enviou as demais crianças a outros casais de São Paulo, sem que os pais fossem ouvidos ou que tenha ocorrido estágio de convivência entre as crianças e as pessoas que as adotaram como determina a lei.

As crianças foram retiradas do convívio de seus pais com a ajuda da Policia, já que era preciso cumprir a determinação judicial. Desesperado, Gerôncio procurava o conselho tutelar para saber do paradeiro dos filhos. Nunca conseguiu uma notícia e acabou desacatando as conselheiras. Foi preso e passou três semanas na cadeia. Os pais dele tiveram que vender a casa para pagar a fiança de R$ 5 mil. Hoje moram de favor.


casal-pobre-tem-5-filhos-postos-para-adocao-juiz-denuncia-trafico-infantil


Veja o vídeo com a matéria completa do Fantástico sobre o caso da adoção ilegal das 5 crianças da Bahia



Se a Carmem Topschall, for a mesma CARMEM KIECKHOFER TOPSCHALL que aparece nesse processo http://www.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/21858931/apelacao-civel-ac-70031730138-rs-tjrs/inteiro-teor podemos ver que já teve problemas judiciais cujo pivô teria sido a tentativa de adoção de crianças. Carmem tem três filhos adotados. Ela confirma que ajudou as famílias de São Paulo, mas nega que trabalhe conseguindo crianças pobres para casais que queiram adotar.

            Carmem: Eu não fui intermediária.

            Fantástico: Como que não foi se a senhora aparece no processo?

            Carmem: Eu apareço no processo porque eu acompanhei o pessoal e levei e mostrei o caminho, mas eu não fui intermediária.

Diante da repercussão do caso, o Juiz Vitor Bizerra divulgou uma nota pública tentando esclarecer os motivos que o levaram a tirar as crianças do convívio com seus pais e chega a soltar o que se pode chamar de pérola"Problemas maiores existem em Monte Santo, mas que a poucos interessam a divulgação e muito menos a elucidação."  que pode ser lido na Integra  aqui .

O Centro de Defesa da Criança e Adolescente (CEDECA) da Bahia também se manifestou em nota pública  aqui.

Foi criada uma petição na Internet que pode ser assinada por qualquer pessoa clicando aqui

Espera-se que a elucidação do caso seja feita o mais rápido possível e que as crianças possam voltar ao convívio de seus pais. 


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

  1. Anônimo12:04 AM

    Que coisa feia! O fantastico cria todo um esquema para criar uma reportagem que suporte o tema de uma novela da globo e todos compram a noticia com se fosse verdade absoluta, vcs não sabem de nada... não se importam nem um pouco com futuro destas crianças...

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.