Tropa de Elite : tiro durante sessão do filme

By | 13:36 Leave a Comment

Deu no site do UOL veja a matéria na integra clicando aqui

O agente penitenciário Ivson Correia de Oliveira Santos, 39 anos, manuseava a arma durante sessão do filme Tropa de Elite, no Multiplex UCI Ribeiro Tacaruna, e arma disparou causando lesões no coração, diafragma, pulmão, fígado, estômago e coluna.

Segundo a assessoria de imprensa do cinema, a sala estava lotada. O tiro aconteceu depois da última cena do filme.

A polícia trabalha com a hipótese de suicídio, pois o elemento estava sendo investigado por corrupção. O agente trabalhava em Igarassu e estava lotado no Cotel. Saiu de Igarassu para o Cotel justamente porque estava sofrendo investigação interna.

Ou ele estava brincando com a arma durante a sessão, ou ficou com a consciência pesada ao ver o filme. Ivson Santos era primo da prefeita de Olinda, Luciana Santos... Hummmmm..


Cap. Nascimento é tão foda que nego se suicida só de ouvir o comando dele.

-Sr 01 , o Sr é um incompetente !!!
pede pra sair, pede pra sair!!!!
O Sr é um fanfarrão, sr. 01!!!!


O que será desse país se todos os corruptos se caguarem assim e pedirem pra sair?

O suicídio é apenas uma hipótese. O cara poderia estar apenas aconchegando a arma, o que nos levaria a outra questão. Pode levar arma ao cinema?

E o agente penitenciário perguntou!

- Quem atirou em mim?

- ...Você mesmo?- respondeu a paltéia.

- Eu mesmo o caralho, seus viados! Eu mesmo o caralho! Foram VOCÊS, entendeu? Quem financia o meu emprego? Foram VOCÊS, Seus contribuintes filhos-da-PU¨%&&TA

14: capitão da pra catar 2 coelhos com uma porrada só aqui hein!
Nascimento: é 100% 14!?
14: cavera capitão
Nascimento:Então senta o dedo nessa porra

*Todos ouvem um tiro no cinema*

Ainda bem que não foi na cara, pra não estragar o velório.

Technorati : , ,
Powered by Zoundry


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.