Reflexões que são uma piada

By | 18:21 1 comment

Não passa um dia sem que a ciência descubra um bagulho que faz mal.Para piorar o que ontem fazia mal hoje faz bem e o que fazia bem agora faz mal. O problema ocorre não pelo produto em si
Veja só um exemplo de algumas coisas que dizem que fazem mal se usadas em excesso....

GORDURA:
No Japão, são consumidas poucas gorduras e o índice de ataques cardíacos é
menor do que na Inglaterra e nos EUA. Em compensação, na França se consome
muitas gorduras e, ainda assim, o índice de ataques cardíacos é menor do
que na Inglaterra e nos EUA.

VINHO:
Na Índia, se bebe pouco vinho tinto e o índice de ataques cardíacos é menor
do que na Inglaterra e nos EUA.
Em compensação, na Espanha se bebe muito vinho tinto e o índice de ataques
cardíacos é menor do que na Inglaterra e nos EUA.

SEX0:
Na Argélia, se transa muito pouco e o índice de ataques cardíacos é menor
do que na Inglaterra e nos EUA.
Em compensação, no Brasil se transa muuuuuito e o índice de ataques
cardíacos é menor do que na Inglaterra e nos EUA.

CONCLUSÃO: Beba, coma e trepe sem parar, pois o que mata mesmo é falar inglês!

Eu já parei meu curso...

***************************************************************************

Mas não é que a bandeirinha Ana paula a peladona acaba de filiar ao PC do B e podera se candidatar nas próximas eleições?
Ela deve sacar muito de política.....

Como se cria um deputado

1 nota de dólar
1 dose de falta de caráter
1 dose de ganância
1 dose de mentira
1 pitada de merda

Obs. Não exagerar na merda senão você cria um presidente.


Créditos: enviado por email



Technorati : , , ,

Powered by Zoundry


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

  1. Huaaaaa!!!!!!
    Bôas as piadas....
    Teu blog tá muito bom o lay.
    bem organizado o meu tah uma zona é que toda vez que tento organizar fica pior,,,,,,,

    kkkkk

    Vlw swu cometário lá no LESTAT NEWS .




    []s e Saudações tricolor

    L.Sakssida

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados, isso significa que ao clicar em enviar, eles não são publicados imediatamente, e sim após serem analisados.